Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram      Município do Funchal

Serviços OnlineBalcão do InvestidorInformações ao MunícipePDM UrbanismoRecursos HumanosEditaisReabilitação Urbana

Incêndios Florestais

Os incêndios florestais apesar das suas consequências não são um fenómeno de origem natural, pois na ilha não há um registo histórico de um incêndio causado por raio seco.

Os incêndios na Madeira são sempre de origem antrópica (crime e incendio por negligência) e, geralmente, em áreas de mato ou floresta de monocultura de arvores exóticas (acácia, eucalipto, pinheiro), espalhando-se posteriormente para as áreas de florestas nativas.

Como evitar…

Proteger as Florestas é uma Tarefa de Todos!

Passeios na floresta

  • Não deite pontas de cigarro pela janela do carro;
  • Não deite fósforos ou cigarros para o chão;
  • Não abandone lixo na floresta, incluindo garrafas de vidro.

Cuidados especiais quando se faz uma fogueira

  • As fogueiras só devem ser feitas em locais próprios;
  • Nunca fazer fogueiras em dias de muito vento;
  • Molhar bem o local á volta;
  • Manter por perto um recipiente com água;
  • Vigiá-la atentamente;
  • Apagá-la muito bem com água e terra.

Se mora junto a uma área florestal

  • Limpe o mato á volta da sua habitação;
  • Guarde em lugar seguro a lenha e os produtos inflamáveis;
  • Tenha em local de fácil acesso algumas ferramentas, como enxadas, pás ou mangueiras, para ajudar no primeiro combate ao fogo.

Sabia que as queimadas e os foguetes causam muitos incêndios na floresta?

A realização de queimadas só é permitida fora do período crítico e desde que o índice de rsico de incêndio sweja inferior ao nível elevado.

Antes de fazer uma queimada peça autorização, consoante a sua área de jurisdição, à Câmara Municipal do Funchal ou ao Instituto das Florestas e Conservação da Natureza e informe-se das condições de segurança junto do Corpo de Bombeiros Sapadores do Funchal.

Pode consultar o risco de incêndio aqui.

Medidas de Autoproteção

Se estiver próximo do incêndio

  • Ligue de imediato para o 112;
  • Caso não corra perigo tente extingui-lo com pás, enxadas ou ramos;
  • Não prejudique a ação dos Bombeiros e siga as suas instruções;
  • Retire a sua viatura dos caminhos de acesso ao incêndio ;
  • Se notar a presença de pessoas com comportamentos de risco, informe as autoridades.

Se o incêndio estiver perto da sua casa

  • Avise os vizinhos;
  • Corte o gás e a eletricidade;
  • Molhe abundantemente as paredes e os arbustos que rodeiam a casa ;
  • Solte os animais, eles tratam de si próprios;
  • Em caso de evacuação ajude a sair as crianças, idosos e deficientes;
  • Não perca tempo a recolher objetos pessoais desnecessários;
  • Não volte atrás por motivo algum.

Se ficar cercado por um incêndio. Que fazer?

  • Saia na direção contrária à do vento;
  • Refugie-se numa zona com água ou com pouca vegetação;
  • Cubra a cabeça e o resto do corpo com roupas molhadas;
  • Respire junto ao chão, através de roupa molhada, para evitar inalar fumo;
  • Aguarde a chegada dos Bombeiros se não conseguir sair sozinho.

Em caso de queimadura passe-a por água fria. Nunca aplique gorduras.