Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram      Município do Funchal

quinta, 19 novembro 2020 18:39

CMF executa novas condutas de água para 30 famílias no Pico do Funcho

O Vereador com o pelouro das Obras Públicas na Câmara Municipal do Funchal, Rúben Abreu, acompanhado pelo Presidente da Junta de Freguesia de São Martinho, Duarte Caldeira, visitaram os trabalhos de beneficiação de redes de água que decorrem no sítio do Pico do Funcho. Esta intervenção, que está em fase de conclusão, é resultado de uma parceria da Autarquia com a Junta de Freguesia local.

Rúben Abreu referiu que esta obra constituía “uma aspiração de longa data dos moradores deste local, que há mais de 20 anos tinham problemas relativamente ao caudal de água disponível, face à rede existente, que sempre foi subdimensionada para aquelas que são as necessidades de local, desde o momento da sua instalação. O investimento da Autarquia na resolução deste problema ascende a 30 mil euros e vai melhorar a qualidade de vida de cerca de 30 famílias.”

“Mesmo num ano repleto das condicionantes que todos conhecemos, com uma crise sanitária grave que exigiu despesas imprevistas, e com um Orçamento chumbado em Assembleia Municipal pelo PSD e pelo CDS, gerimos mais uma vez com eficiência e responsabilidade os recursos disponíveis, e conseguimos avançar com esta importante obra de proximidade”, sublinhou o autarca.

O Vereador destacou o contributo da Junta de Freguesia de São Martinho que “ao abrigo do acordo de execução assinado anualmente com a CMF, também apoiou financeiramente a realização desta obra em cerca de 20% do investimento total, numa demonstração de serviço público e consciência da mais-valia que a mesma representa para os seus fregueses.”

A obra em causa é executada em dois arruamentos contíguos, nomeadamente na Travessa Nova do Pico do Funcho, cuja nova conduta de água potável potenciou a execução de 22 ramais de ligação a habitações, e ainda na 2ª Vereda do Pico do Funcho, com uma nova conduta que permitiu executar 7 novos ramais a casas de outras tantas famílias.

 “A partir de agora, todas as moradias abrangidas passarão a ter condições normais de pressão e caudal de água o que, como todos sabemos, terá um impacto substancial no bem-estar quotidiano destas pessoas. Ao longo dos últimos anos, o atual Executivo da CMF tem, de resto, investido como nenhum outro na modernização das redes de água do concelho, não só com novas redes, mas também no sentido de resolver problemas estruturais das redes existentes, que tinham sido erradamente dimensionadas aquando da sua instalação, como foi este o caso”, acrescentou.

Rúben Abreu concluiu que “todos os investimentos que têm sido feitos nos últimos anos decorrem de uma visão estratégica clara, que tem permitido ao Município desenvolver um trabalho absolutamente inovador, que nunca tinha sido feito no passado, e que tem permitido melhorar a nossa capacidade de resposta em todas as frentes. Todo este trabalho no terreno ilustra bem o compromisso que este Executivo tem para com este setor e com a sustentabilidade ambiental.”