Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram      Município do Funchal

sexta, 31 julho 2020 12:47

CMF apoia edição 2020 do Rally Vinho Madeira

O Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Miguel Silva Gouveia, oficializou, esta manhã, a assinatura do protocolo de colaboração entre a Autarquia e a organização do Rally Vinho Madeira, numa renovação da parceria anual estabelecida com o Clube Sports da Madeira para a realização desta prova emblemática. O Vereador João Pedro Vieira, que tutela o pelouro do Desporto na CMF, e Paulo Fontes, Presidente do CS Madeira, estiveram igualmente presentes na cerimónia.

Miguel Silva Gouveia referiu, na ocasião, que “apesar de este ser um ano complexo, em que passamos por esta situação de saúde pública e temos um orçamento reduzido, por conta do chumbo ao Orçamento Municipal, este Executivo empenhou-se em determinar prioridades e a assumir os seus compromissos, para que se possa manter a aposta desportiva no nosso concelho e restabelecer a normalidade possível nos tempos em que vivemos”.

“Em primeiro lugar, estas prioridades que foram estabelecidas desde o início pela Câmara Municipal do Funchal, deram prioridade aquilo que deve ser efetivamente primordial, a nível social e de segurança, onde estabelecemos protocolos com com diversas entidades do setor da área social e mantivemos, igualmente, uma atividade cultural regular, porque sabemos que muitos dos nossos agentes culturais têm dificuldades acrescidas nesta altura, nomeadamente financeiras”.

O Rally Vinho Madeira foi uma das provas que o Município teve sempre no horizonte camarário a nível de financiamento, “devemos honrar os nossos compromissos, e o compromisso que estabelecemos com o C S Madeira foi de apoiar esta prova e isso aconteceu muito antes de sabermos que várias classificativas aqui na cidade do Funchal, que movimentam muita gente e dinamizam a economia local não vão acontecer, como é o caso da Super Especial na Avenida do Mar. O legado deste rally faz parte da história e da tradição da nossa região e seria um defraudar do trabalho de muitos anos e de muitas equipas, se deixássemos cair esta prova”.

O Presidente salientou a importância da realização desta prova para o Funchal e para a Região “confiança é o que estamos a transmitir a todos. Para quem está lá fora de olhos postos na nossa Região, sejam comissários desportivos, operadores turísticos ou até líderes políticos, que olham para a Madeira com alguma apreensão, temos aqui a oportunidade de demonstrar que os funchalenses e madeirenses são um exemplo de como, aplicando e cumprindo todas as recomendações das autoridades de saúde, podemos gerir a situação pandémica e as nossas vidas”.

“Este ano o Funchal e a Madeira vão continuar a ser um exemplo de bom comportamento e de confiança um nos outros, numa prova que há mais de 60 anos nos une a todos. Acreditamos que, na próxima edição, o Rally volte à sua normalidade e possa compensar a cidade e os funchalenses com as habituais classificativas espetáculo e sobretudo continuar a levar, sem medos, o nome do Funchal ao mundo”,  concluiu o autarca.