Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram      Município do Funchal

quinta, 15 agosto 2019 10:36

Consolidação de escarpa interrompe trânsito entre as rotundas da Fundoa e do Encontro durante três meses

A Câmara Municipal do Funchal dará início, na próxima terça-feira, dia 20 de agosto, à fase final da consolidação da escarpa sobranceira à estrada Comandante Camacho de Freitas, no troço compreendido entre as rotundas da Fundoa e do Encontro, na freguesia de São Roque, ficando o mesmo interrompido ao trânsito nos próximos três meses.

O Presidente Miguel Silva Gouveia visitou o local com o Vereador das Obras, Rúben Abreu, e anunciou "esta importante etapa nos trabalhos de consolidação das escarpas do Funchal, que arrancaram logo após os incêndios do Verão de 2016. Nesta zona, serão agora realizados trabalhos de desmatação, desmonte, furação para pregagens, acesso e operação de meios para montagem das barreiras, entre outros, pelo que por questões de segurança rodoviária e pedonal, torna-se necessário interromper a circulação por um prazo de cerca de três meses a partir da próxima semana, assim que estejam concluídas as comemorações em Honra do Senhor de São Roque.”

A Autarquia garante, contudo, o acesso às residências que se localizam no troço encerrado ao trânsito, sendo que, como alternativa geral, os condutores deverão optar pela Estrada Comandante Camacho de Freitas no sentido este-oeste, pela Rua Dr.º João Abel de Freitas e pelo Caminho do Lombo Segundo.

“Esta é uma intervenção que ascende a um milhão de euros, cofinanciada pelo POSEUR, com previsão de termo para novembro de 2019. Relativamente às obras que se encontram a decorrer na mesma zona, nomeadamente as obras de substituição das redes de água e saneamento básico no Caminho de São Roque e a intervenção na escarpa sobranceira à Socipamo, entre a Fundoa e o Caminho dos Saltos, o prazo previsto para reabertura destes troços é para setembro de 2019 e outubro de 2019, respetivamente, pelo que teremos uma série de intervenções estruturais a serem concluídas nos próximos meses na freguesia de São Roque", reiterou o Presidente, pedindo, por fim, "a máxima compreensão a todos os munícipes, nomeadamente aos que utilizam este troço no seu quotidiano, sabendo que no fim destas intervenções, teremos um Funchal mais seguro, na salvaguarda de pessoas e bens."

A Câmara Municipal do Funchal informa, ainda, que a carreira n.º 48 da Horários do Funchal, terá as seguintes alterações ao seu percurso, por via desta intervenção:

- Sentido Nazaré/Monte - efetua o itinerário normal até São Roque, depois segue pela Estrada Dr. João Abel de Freitas, Viveiros, Rua Padre Mário Casagrande, Rua do Til e Estrada dos Marmeleiros, retomando, a partir da Pedreira, o seu trajeto em direção ao Monte.

No sentido Monte/Nazaré - efetua o itinerário normal até à Pedreira, depois segue pela Estrada dos Marmeleiros, Rua do Til, Rua Padre Mário Casagrande, Viveiros e Estrada Dr. João Abel de Freitas, retomando o seu trajeto normal a partir de São Roque, em direção à Nazaré.